Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]





Um jantar que meteu água

por 123LetsCook, em 28.02.13

Apesar de ser constituida por quase 95%, a beringela (vendida na zona das verduras mas na verdade é uma fruta) participa nas mais variadas receitas. Uma das mais recorrentes é a beringela recheada.
Hoje apresentamos uma versão vegetariana:


1 beringela média
1 cebola


2 dentes de alho 


1 tomate
 maduro

1/2 pimento vermelho


Salsa


250g couscous (aprox. 1 chávena)
Azeite
Mozarella ralado


Sal & Pimenta q.b

 

Beringela

 

 

Comece por preparar os couscous de acordo com as instruções da embalagem. Reserve.

 

Corte a beringela no sentido longitudinal;  remova cuidadosamente parte da polpa. Leve a forno  previamente aquecido a uma temperatura aprox. de 100ºC durante 10 minutos.


Entretanto prepare o recheio:
Pique a cebola, a salsa, o pimento, o alho e o tomate
Aqueça 2 colheres de sopa de azeite numa frigideira, junte a cebola e o alho picados e deixe alourar. Pique e junte o tomate , pimento vermelho e salsa; mexa e deixe apurar. Tempere com sal e pimenta e retire do lume.
Misture os couscous e envolva tudo.  
Findos os 10 minutos, retire as beringelas do forno e preencha cuidadosamente cada metade com este recheio. Cubra com o mozzarella ralado e leve novamanete ao forno por mais 5 a 10 minutos  


Sugestão de acompanhamento: salada quente de cenoura e salsa ou, em alternativa, arroz basmati

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


A tarte que não dá trabalho

por 123LetsCook, em 28.02.13

Já a pensar no fim-de-semana que se adivinha, uma tarte para quem é guloso mas não quer ter muito trabalho.

O contraste do leite condensado e do limão com a leveza do merengue, fazem desta tarte uma sobremesa ideal para servir em qualquer festa ... ou para comer sozinho!

 

 

Tarte merengada

 

Irá precisar de:

1 embalagem de massa quebrada (de compra. usei Pingo Doce)

1 lata de leite condensado cozido (usei Nestle )

5 ovos

Raspa de 1 limão

3 colheres sopa de açucar

 

Prepare a massa: forre uma tarteira redonda e pique o fundo com um garfo

Para o recheio, misture  a lata de leite condensado com as gemas dos 5 ovos e a raspa de 1 limão.

Verta o recheio na massa e leve a forno pré-aquecido a 180ºC (ou 170º com ventilação) durante 15 minutos.

 

Entretanto faça o merengue: bata s 5 claras em castelo firme, junte aos pouco as colheres de açucar.

Ao fim de 15 minutos retire a tarte do forno e coloque o merengue, Poderá simplesmente cobrir o recheio ou usar uma manga de pasteleiro para um aspecto mais elaborado.

Leve ao forno por mais 15 minutos ou até atingir um tom dourado uniforme.

Retire e deixe arrefecer.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Uma Corona pela manhã

por 123LetsCook, em 28.02.13

Não, não é essa Corona, não estamos a sugerir uma fresquinha para o pequeno-almoço!


Porque reciclar pode ser giro, se tiver lá por casa uma velhinha máquina de escrever, veja só no que a pode transformar :-)

Conheça a Corona-matic

 

Corona-matic

 

a participação de Chris Dimino numa exibição já velhinha The Next Best...Ding!  em que visava pegar em objectos obsoletos (máquinas de escrever) e dar-lhes uma nova vida útil

Leia mais sobre esta waffle-maker http://www.ohgizmo.com/2008/06/10/corona-matic-waffle-keyboard-maker/

 

E a seguir ... toca a ir caçar máquinas de escrever  

Autoria e outros dados (tags, etc)


Cozinha-se no Facebook

por 123LetsCook, em 27.02.13

o 123 Lets Cook tem também uma comunidade no Facebook onde se divulgam concursos, give-aways, brincadeiras e curiosidades.

 

Quer-se fazer parte ? é só clicar na imagem :

Facebook

(to our international friends, this is for now mainly a portuguese page but do feel free to comment on your own language! )

Autoria e outros dados (tags, etc)


Salvia officinalis

por 123LetsCook, em 27.02.13

Salvia officinalis também conhecida como Sálvia ou Salva é uma planta da região Mediterrânica cultivada essencialmente como erva aromática e medicinal.

 

Salvia officinalis

 

Em tempos de resfriados e gripes, a Salva numa infusão com o Tomilho apimentado com Gengibre e adocicado com Mel, é uma aliada na luta contra a rouquidão e a garganta inflamada. Usada em inalações e vapores, ajuda a libertar o catarro.

As folhas frescas e amassadas, além de branquearem os dentes, também refrescam o hálito e fortificam as gengivas inflamadas. Quando esfregadas na zona afectada, proporcionam ainda um alívio rápido para de abelhas, vespas ou mosquitos.

 

O Lidl teve recentemente alguns vasinhos à venda e agora que já faz (novamente) parte do cantinho das aromáticas cá de casa.

 

E porque a utilização da Salva vai muito para além da medicinal, aguardam-nos não só muitos chás reconfortantes mas também receitas de aves e caça onde esta erva, de seu sabor amargo, é uma excelente alternativa à tradicional folha de louro. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pág. 1/4



Mais sobre mim

foto do autor




123 Social



Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D





Selos

Top blogs de receitas